Posts

Já está online mais um programa “Som Ambiente” da rádio Observador, onde António Paula Soares, Presidente da ANPC, é comentador residente.

Nesta semana:

🚦 Sinal Verde para a reabertura do EVOA - Espaço de Visitação e Observação de Aves da Companhia das Lezírias. Um dos melhores projectos de educação e sensibilização ambiental em Portugal. Um projecto de qualidade da Companhia das Lezírias, na sua senda de excelente gestão agro-florestal e ambiental.

...

🌳 Tema da Semana: Processos de consulta pública - onde António Paula Soares apresenta as suas queixas pela falta de envolvimento das populações locais e dos seus direitos perante regulamentos, processos e projectos onde por muitas vezes os direitos e liberdades de proprietários e populações são apenas consultados numa fase onde tudo, ou quase tudo, já está decidido. Exemplo prático das revisões dos regulamentos do Parque Natural do Vale do Guadiana e do Parque Natural da Arrábida.

🚡 Música de Elevador - a mudança do bem estar animal dos animais de companhia do Ministério da Agricultura para o Ministério do Ambiente: um erro, confuso, sem explicação técnica onde a mudança da tutela dos animais de companhia passa de um organismo de índole veterinária para um organismo ambiental.
Esta é daquelas conversas de elevador em que chegamos ao R/C confusos, e a pensar como foi possível alguém achar que esta era a melhor solução para este problema. Certamente dentro de uns meses vamos voltar a apanhar este elevador e ter as mesmas conversas de sempre, pois esta solução é errada e não vai dar bons resultados.

🦆 Convidado da Semana: António Heitor, numa interessante abordagem sobre a Avifauna do Estuário do Tejo, onde as atividades agrícolas estão em harmonia com a conservação da natureza e a promoção da biodiversidade. António Paula Soares aproveitou para saber a opinião de António Heitor sobre a interação da atividade agrícola activa, e de dimensão, da Lezíria e o atual aumento das populações de avifauna no Estuário. Um dos bons exemplos da agricultura de grande dimensão em prol da biodiversidade.

A ouvir!!

https://observador.pt/…/s…/uma-estacao-de-servico-ecologica/

See More

“Na sequência da morte de dezenas de cães e gatos em Santo Tirso, a tutela do bem-estar dos animais de companhia passa da alçada de veterinários para os ambientalistas. Faz todo o sentido, claro...”

https://observador.pt/…/o-primeiro-ministro-que-incendiou-…/

Photos
Videos
Desde 2015 que alertamos sobre os perigos e a farsa de partidos como o PAN. Não acredita? Veja o vídeo! E vote, nem que a vaca tussa!! 🐄
238
26
Nascem os dois primeiros linces de 2020 no centro de reprodução de Silves (CNERLI) A fêmea de lince Jabaluna, de 8 anos de idade, pariu pela terceira vez, no Centro Nacional de Reprodução de Lince Ibérico, em Silves, nascendo duas crias vivas. Para além destas duas crias, aparentemente saudáveis, nasceu outra cria com pouca vitalidade, que acabaria por morrer. Aguardam-se para os próximos dias os partos de outras fêmeas do CNERLI (Fresa, Juncia e Juromenha), previsivelmente já durante o próximo fim-de-semana. O grande projecto ibérico de conservação do lince-ibérico continua a sua senda de sucesso, quer a nível dos centros de reprodução (ex-situ), quer a nível das áreas de reintrodução (in situ). O objectivo ultimo é o estabelecimento de populações selvagens de lince-ibérico em Portugal e Espanha, conectáveis entre si e com número de indivíduos que permita à espécie atingir um estatuto de conservação favorável. Até ao momento o processo em Portugal tem sido um sucesso retumbante, existindo mais de 120 exemplares em liberdade, número que crescerá muito após o período de reprodução que está a decorrer, com o nascimento de mais crias selvagens. Estão de parabéns os técnicos do CNERLI e dos outros 3 centros de reprodução existentes em Espanha, por produzirem animais para reintrodução em quantitativos muito assinaláveis, como igualmente estão de parabéns os proprietários rurais, agricultores, gestores cinegéticos e caçadores nas áreas de reintrodução, por criarem e manterem condições favoráveis não apenas para a adaptação dos exemplares libertados, como igualmente para que estes se estabeleçam e dêem origem a populações residentes viáveis, como tem vindo a acontecer. Vídeo CNERLI/ICNF #ANPCnoticias #SomosANPC #EcologistasSomosNós
46
3
Debate de lançamento do Manifesto Pelo Mundo Rural
106
4